NOTÍCIAS

Dermatite canina: tudo o que você precisa saber

Na rotina veterinária observa-se uma maior frequência do atendimento de animais com dermatite, em consequência de diversos fatores, como infecções, alergias, ou até mesmo problemas genéticos e distúrbios emocionais. Tratando-se de uma enfermidade que gera bastante incômodo ao cão e seu proprietário, essa queixa muitas vezes surge em função de sinais como coceira, mau odor, feridas, e até mesmo sinais visíveis de infecção.

As dermatites podem ter aspecto visual muito semelhantes entre si, porém as causas são diversas, sendo sempre recomendado consultar o médico veterinário de confiança para diagnóstico e tratamento adequados.

Causas mais comuns

Infecciosas:

Podem ser de origem bacteriana e/ou  fúngica, e podem ser secundárias a outras doenças de pele, ou a problemas emocionais que induzam a queda de imunidade. Em todos os casos, a higiene ambiental e o tratamento adequado fornecem uma recuperação mais efetiva ao cão.

Parasitárias:

A presença massiva de ácaros na pele também pode ocasionar doenças de pele, como é o caso da sarna sarcóptica (escabiose), que provoca coceiras intensas, e a demodicose (conhecida como sarna negra), que possui aspectos hereditários e imunológicos envolvidos.

Alérgicas:

As dermatites alérgicas são mais difíceis de diagnosticar, e requerem tratamento constante. São algumas delas: a alergia alimentar (desencadeada por reação a algum alimento), a dermatite atópica (alergia hereditária por substâncias presentes no ambiente), e a tão conhecida DAPP (Dermatite Alérgica à Picada de Pulgas).

Outras:

Existe ainda a seborréia canina, que é causada por uma falha na queratinização da pele e nas glândulas sebáceas. Essa doença, apesar de não ter cura, pode ser controlada através de shampoos terapêuticos que possuem indicação para tal.

O tratamento depende de cada caso

Cada doença de pele possui suas particularidades, cujo tratamento depende somente da orientação do médico veterinário. Porém, uma das principais ferramentas de tratamento é o uso de shampoos terapêuticos a base de Peróxido de Benzoíla.

O Peróxido de Benzoíla a 2,5% está disponível no mercado veterinário pela Vansil Saúde Animal através do produto Pet Dermyl. Com uma formulação exclusiva em gel, Pet Dermyl é um shampoo para dermatite que une a terapêutica à limpeza física, removendo oleosidade e sujeira. Sua composição fornece adequado tratamento e prevenção de dermatites em cães e gatos, piodermites das dobras, foliculites superficiais, impetigo e seborreia, além dos benefícios estéticos do animal.

Pet Dermyl tem como diferenciais a sua fórmula e a apresentação em gel:

  • Fácil utilização

A exclusiva apresentação em gel dispensa a agitação antes do uso.

 

  • Não decanta/suspensão homogênea

A cada aplicação temos a certeza de que a concentração adequada de produto estará disponível para os banhos.

 

  • Pelos sedosos e cheirosos

A essência de frutas cítricas presente na formulação garante um pelo brilhante e um odor agradável

 

  • Não resseca a pele e pelagem

A formulação garante pele e pelos macios mesmo em tratamentos com banhos constantes.

 

  • Frascos com 500mL – excelente custo X beneficio

Excelente custo X benefício, pois contém 500mL (compare com os outros), ideal para tratamentos longos e casos crônicos.

 

  • Qualidade Vansil Saúde Animal

Fabricante de medicamentos veterinários há 24 anos, com um mix de mais de 144 produtos para praticamente todas as espécies de animais domésticos.