Gentasil

Antibioticoterapia para animais de produção

O tratamento com antibióticos nos animais de produção deve ser prático, de fácil administração, com eficácia comprovada e com períodos de carência bem conhecidos e seguros. Gentasil reúne todas estas propriedades em um só produto, além de permitir os tratamentos intra-uterinos.

DESCRIÇÃO

Antibioticoterapia para animais de produção

O tratamento com antibióticos nos animais de produção deve ser prático, de fácil administração, com eficácia comprovada e com períodos de carência bem conhecidos e seguros. Gentasil reúne todas estas propriedades em um só produto, além de permitir os tratamentos intra-uterinos.

FÓRMULA

Cada 10 ml contém:
Sulfato de Gentamicina* 668  g
Veículo q.s.p. 10 ml
*Equivalente a 400 mg de Gentamicina base. Apresentação: Frascos de 50 ml e 100 ml.

INDICAÇÕES

Tratamento de infecções causadas por microorganismos sensíveis à Gentamicina em bovinos, equinos, aves e suínos, entre as quais de destacam: Streptococcus sp, Proteus vulgarisEscherichia coli, Pseudomonas aeruginosa, Aerobacter sp, Klebsiella sp, Staphylococcus spp e Citrobacter SP. Aves: Salmoneloses, Colibaciloses, Pseudomonas e Arizona. Suínos: Colibaciloses, diarreias e disenterias. Bovinos e Equinos: Diarreias e septicemias causadas por Escherichia coli e outros microorganismos em potros e bezerros, metrites, endometrites e mastite.

MODO DE USAR

Via de administração: Subcutânea, intramuscular profunda e intra-uterina. Posologia e modo de uso: Aves: 10 ml de Gentasil para 2000 pintos; em injeção subcutânea entre a cabeça e a base do pescoço, utilizando solução fisiológica como diluente para a mesma. Para aplicação em aves adultas, diluir 10 ml de Gentasil em 390 ml de Solução Fisiológica estéril ou diluente da vacina de Marek, e aplicar 0,2 ml desta solução por ave, em dose única. Bovinos e Equinos jovens: 1 ml (40 mg de princípio ativo) para cada 10 kg de peso, no primeiro dia, e 0,5 ml (20 mg de princípio ativo) para 10 kg de peso nos dias subseqüentes, pela via intramuscular, por 3 a 5 dias. Vacas: Nos casos de Metrites e Endometrites, diluir 5 ml (200 mg de princípio ativo) em 20 ml de Solução Fisiológica, em infusão uterina, durante três a cinco dias. Vacas: Nos casos de Mastite, diluir 2 ml a 3 ml (80 a 120 mg de princípio ativo) em 20 ml de Solução Fisiológica e aplicar nos tetos afetados, uma ou duas vezes ao dia após a ordenha, durante 2 a 3 dias. Éguas: Nos casos de Metrites e Endometrites, aplicar de 10 ml a 60 ml (400 a 2400 mg de princípio ativo), em infusão uterina, durante três a cinco dias. Suínos jovens: Aplicar 0,125 ml (5 mg de princípio ativo) por leitão, durante 3 a 5 dias consecutivos, pela via intramuscular. Suínos adultos: 1 ml para cada 10 kg de peso, durante 3 a 5 dias, pela via intramuscular. Observação: manter o tratamento por 48 horas após o desaparecimento dos sintomas. Alterações na posologia e modo de uso a critério do Médico Veterinário.